30 de nov de 2013

Débora- Atitude e Disciplina



A história de Débora começa no livro de juízes capitulo 4, ela era Juíza e Profetiza, algo que não era comum, pois, as mulheres  não tinham voz na sociedade, seu papel era gerar filhos e cuidar do lar. E foi justamente nessa época Débora ocupa um cargo onde até então apenas homens ocupavam.

O que mais me chamou a atenção foi o fato de Débora ser uma mulher casada, ela era esposa de Lapidote, isso , significa que  ela era uma mulher comum, mas que tinha um diferencial, era uma mulher de Deus.

Deus jamais confiaria tamanha responsabilidade nas mão de Débora se essa não tivesse um caráter exemplar. O povo também não confiaria suas causas nas mão dela, se não conhecem sua conduta.

Débora era excelente em tudo que fazia, como: juíza, Profetiza, mulher, dona de casa e esposa; por esses motivos ela tornou-se digna de admiração.Essa foi a maior lição que tirei da história de Débora, ela era uma mulher muito ocupada, e conseguia desempenhar todas as suas tarefas, ela era disciplinada sabia organizar seu tempo e suas prioridades certas, seu principal objetivo era servir a Deus.

Essa mulher não foi fictícia , ela era real o que prova que é possível  sim desempenhar nossas funções, sem deixar a desejar, e nem ficar estressada, o segredo é não se ocupar com bobagens, mas sim priorizar as coisas certas. Outra característica marcante é sua atitude, ela não olhou para as circunstâncias, para o fato de viver em sociedade onde apenas os homens eram ouvidos; ela não olhou para os empecilhos, simplesmente se colocou a disposição de Deus, e por esse motivo ele pode usá-la.

Deus não está a procura de mulheres perfeitas, ela procura mulheres que tenham um caráter de serva.

No Espírito,
                  Josemária Barros.

  

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acessos