4 de jul de 2013

SÉRIE OBRA DE DEUS - Ser ou fazer?




Um dia ela chegou na Igreja com a vida totalmente destruída, seu semblante era de tristeza, era impossível não notar.

Na igreja ela foi bem recebida pelos pastores, pelas esposas e obreiros, fez corrente, foi curada, conquistou várias bênçãos.

Aquele ambiente a fazia se sentir muito bem, ela tinha uma enorme gratidão por tudo que Deus fez em sua vida, então ela decidiu servi-lo e tornou-se obreira.

O problema é que mesmo tendo sido curada, conquistado várias bênçãos e se tornado dizimista fiel, ela nunca nasceu de Deus. Então começou os problemas! O que a manteve o tempo todo firme na igreja foi sua gratidão pelo Senhor Jesus e a  sensação de bem estar naquele ambiente de fé.

Ela se sentia bem em fazer a obrar, precisava estar ali para manter-se na fé. Fazer, fazer, fazer...lhe trazia satisfação, mas lá no fundo sabia que algo estava errado, existia ainda um vazio, mas o que poderia ser? Ela sempre ouvia falar no novo nascimento, mas ela pensava: "Eu tenho o Espírito Santo, tenho amor pelas almas, sou fiel a Deus, e até sou obreira". 

O tempo passou e ela não buscou ajuda por medo de perder sua posição, ou do preconceito, vergonha e etc. O tempo passou ela acabou naufragando na fé, se afastou da presença de Deus, e hoje sofre de novo nas garras do diabo.

Minha amiga essa é a triste história de muitas que uma dia estiveram em nosso meio, e poderiam ainda estar se tivessem sido humildes e buscado ajuda. A posição que você ocupa não é garantia de nada. É a sua salvação que estar em jogo, não pense que suas obras irão justificá-la.

Se você tem dúvidas com relação ao seu estado espiritual aproveite essa chance  com toda sua sinceridade, e com certeza  Ele virá sobre você. Lembre-se é melhor ser do que fazer, pois não será salva pelo que faz, mas sim pelo que você é diante de Deus.

3 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acessos