27 de out de 2011

INTEGRIDADE

Muitas pessoas tem feito de suas vidas um verdadeiro reality show,onde vivem em um jogo procurando agradar os outro por puro interesse, pois, querem está bem diante de todos, e de todos os lados.Não se importando em demonstrar quem realmente são, mas em mostrar o que os outros gostariam que elas fossem.

Alguns jogam tão bem que passam anos e até mesmo a vida toda enganado os outros. O que elas não sabem é que são estimadas pelos homens, mas abomináveis perante Deus.(Lc 16.15)

Ninguém pode fugir dos olhos de Deus, Ele sonda o mais intimo de nossos corações e está a procura de pessoas integras. E integridade não é o que você mostra quando está rodeado de amigos, mas o que você é quando está sozinho.

Ser integro não é um privilégio de poucos, mas sim uma escolha de poucos. É uma questão de caráter,de princípios morais, onde você decide seguir.

Ser integro as vezes custa caro, é preciso desagradar a alguns para fazer o que é certo, ser incompreendido, julgado e criticado. Porém lembre-se que mais importante não é o que temos sido diante dos homens, mas o que somos diante de  Deus.


Na certeza,
                       Josy Barros.

Visite: prcleilsonbarros.blogspot.com

17 de out de 2011

A PARABOLA DA ROSA

Um certo homem plantou uma rosa e passou a regá-la constantemente e, antes que ela desabrochasse, ele a examinou.
Ele viu o botão que em breve desabrocharia, mas notou espinhos sobre o talo e pensou, Como pode uma bela flor vir de uma planta rodeada de espinhos tão afiados?
Entristecido por este pensamento, ele se recusou a regar a rosa, e, antes que estivesse pronta para desabrochar, ela morreu.
Assim é com muitas pessoas.
Dentro de cada alma há uma rosa: as qualidades dadas por Deus e plantadas em nós crescendo em meio aos espinhos de nossas faltas.
Muitos de nós olhamos para nós mesmos e vemos apenas os espinhos, os defeitos.
Nós nos desesperamos, achando que nada de bom pode vir de nosso interior. Nós nos recusamos a regar o bem dentro de nós, e, consequentemente, isso morre.
Nós nunca percebemos o nosso potencial.
Algumas pessoas não vêem a rosa dentro delas mesmas; Alguém mais deve mostrá-la a elas.
Um dos maiores dons que uma pessoa pode possuir ou compartilhar é ser capaz de passar pelos espinhos e encontrar a rosa dentro de outras pessoas.
Esta é a característica do amor -- olhar uma pessoa e conhecer suas verdadeiras faltas.
Aceitar aquela pessoa em sua vida, enquanto reconhece a beleza em sua alma e ajuda-a a perceber que ela pode superar suas aparentes imperfeições.
Se nós mostrarmos a essas pessoas a rosa, Elas superarão seus próprios espinhos.
Só assim elas poderão desabrochar muitas e muitas vezes.

9 de out de 2011

UMA MULHER GRACIOSA

Havia na cidade Suném uma mulher temente a Deus. Ela e seu marido eram muito ricos e serviam a Deus.


Aquela  mulher além de temente a Deus era graciosa, por esse  motivo sempre que o profeta Elizeu passava por sua cidade  o oferecia comida, mas como sabemos pessoas graciosas sempre querem dar o melhor de si, sua generosidade é esponatanéa. Então ela decidiu construir um quarto, para que o homem de Deus podesse repousar alí.


Elizeu ficou muito agradecido com seu gesto,e logo desejou retribuir sua gentileza.No entanto, a sunamita não teve aquela atitude com terceiras intenções,fez simplesmente por amor.Sua maior gratificação era em servir a Deus.


Elizeu insistiu em abençoa-la  e logo descobriu que ela não tinha filhos. Ela não pediu para ser abençoada com filhos, mas Deus sabia que esse era o maior desejo de seu coração e abençoou por causa da sua entrega.


Ela não se tornou amarga nem tão pouco, egoísta por ser estéril. Preferiu ser graciosa, tanto que teve o privilégio de ser mencionada na bíblia.


Não permita que as dificuldades façam de você uma pessoa triste amargurada ou egoísta. Aproveite as dificuldades para empenharce em se tornar uma pessoa melhor,pois,lembre-se que:"A mulher graciosa alcança honra."(Pv 11.16)


Quando nos entregamos para Deus, Ele faz questão de nos abençoar.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acessos